domingo, 14 de junho de 2009

Doces...

Acho que eu sou um doce... uma daquelas pessoas que as outras olham e perguntam: "Sua mãe passou açúcar em vez de talco em você?". Pois é... Sou um doce mesmo, não sei o que as pessoas veem de tão interessante, único, especial em mim. Mas veem!

Acho que sou um doce... É fácil as pessoas se apaixonarem, nem preciso de lábia conquisto somente com meu jeito natural de ser. Os que se "apaixonam" por mim, gostam das minhas molecagens, da forma simples como eu vejo a vida, gostam do meu jeito educado e às vezes certinho até de mais. Apaixonam-se pelo meu sotaque estranho, pelas madrugadas ao computador conversando besteiras, pelas minhas surpresas...

Acho que sou um doce... Muitos não entendem porque estou sozinha... E vendo por esse ponto que nem eu entendo...

Mas acho mesmo que sou aquele doce que quando a gente é criança fica lá na última prateleira do armário e a gente faz de tudo para pegar, sobe nas cadeiras, pede ao irmão mais velho e mais alto, implora ao pai e à mãe, e quando consegue, vê que não era tão saboroso quanto se esperava, e era apenas o prazer de conseguir que nos motivava a continuar tentando...

Ou então sou um doce muito doce, daqueles que se enjoa rápido, que é muito bom mas que por ter um sabor tão intenso, logo perde a graça... e as pessoas procuram outro sabor para contrastar.

Mas ainda posso ser um doce ruim, um falso doce, como aqueles chicles de marca duvidosa que são doces no início, mas logo perdem o gosto e tem-se que comprar outro porque não serve mais.

Acho que sou um doce...

5 Pensaram a respeito:

F.K! disse...

kkk
doces engordam.
prefiro coisas salgadas, que tb engordam. meu deus em q mundo estamos? tudo engorda...
k
eu poderia dizer: vc eh um doce d pessoa, mas jah tive prova q doces naum sao bons...

entao.. naum se preocupe, vc eh um salgadinho d queijo...

:)

Marília Domingues disse...

kkkkkkkkkkkkkk

que bonitinho o comentário!!! rsrssr

Mas eu quis dizer que (já aconteceu várias vezes), as pessoas se apaixonam por mim, me convencem que sou apaixonante, fazem com que me apaixone por elas então a paixão delas passa e eu fico sozinha ainda apaixonada.

Por isso sou como um doce, porque você sempre come um doce ou outro alguma hora, mas não se vive apenas de doces...

Obrigada pelo comentário...

Mônica disse...

Marília, vou te dar um alfinete para esse momentos: tipo, assim, ae você fura o seu ego quando ele estiver flutuando muito afora de tão inflado que andou, viu :P
Sua boba...
Só podia ser Estupidamente Marília, né?

Ahhhh!!! E vale ressaltar que eu não estou ignorando o seu post. Que eu leio, mas só comento quando acho que devo >_<"
Tipo agora pra puxar suas orelhas!

Beijoes!

Marília Domingues disse...

Leu bem o post?!!

Não mostra que meu ego está lá em cima, muito pelo contrário...

Bjus..

Bruna Steinbach disse...

Entendí, e gostei. No meu caso, sou um daqueles doces intocáveis de festas de casamento, que só podem ser comidos no final, e ai deixa você ansioso, esperando, esperando... hahahahahahahahaha