terça-feira, 26 de janeiro de 2010

Besteiras


Às vezes eu sonho!!!
Depois eu acordo...
Às vezes eu me iludo
Depois desiludo
No fim.. é tudo a mesma coisa
O guarda-chuva também guarda o sol
Também esconde o céu
Assim como o espelho que me mostra
Também esconde o meu eu

Por isso às vezes sonho..
Mas sempre acordo

M.D
João Pessoa, 26 de Janeiro de 2010
12:14

2 Pensaram a respeito:

Conteúdo Estomacal disse...

Adorei o poema!
=*

Mirtes Waleska Sulpino disse...

"Mesmo que acordada, nunca desista dos sonhos"

Belo texto,
Mirtes Waleska