segunda-feira, 23 de março de 2009

Falando de amor

Gostaria de falar de amor, mas não sei o que falar sobre ele.
Acredito no amor, acredito que existe a pessoa certa para cada um de nós, a alma gêmea, aquela que em alguma vida foi uma alma só e que por algum motivo se separou e busca incessantemente se reencontrar... só não sei onde está a minha.
Se eu já disse "Eu te amo" para alguém é porque eu sentia naquele momento que amava. E será que estou errada em demonstrar o que eu sinto, também com palavras? será que estou errada em acreditar que quem está ao meu lado, que a pessoa pra quem eu dito "eu te amo" é a pessoa com quem eu quero passar o resto da minha vida?
Sei que a palavra "Amor" vem carregada de responsabilidades, não deve ser dita em vão, e nunca o foi por mim... sempre foi com a convicção de que era a pessoa da minha vida...
Gostaria de falar do amor como os apaixonados falam, metaforizando o sentimento, não que eu não esteja apaixonada, não que eu não esteja amando, mas também não posso dizer que no amor tudo são flores, pois é muito mais fácil se martirizar nos espinhos, que sentir o cheiro da rosa.
Por isso já xinguei, culpei o amor, até tentei matá-lo dentro de mim (que ele não me ouça), mas vi que sem amor não somos nada, e, por isso acredito nele e sei que um dia ainda vou encontrar alguém que também acredite, que sinta a felicidade e mesmo que não saiba que é, se sinta bem apenas em cogitar que possa ser...
Alguém que veja a beleza em apenas acordar ao lado, em ter um braço para proteger (mesmo que não tenha do que) durante a noite. Um ombro para apoiar a cabeça num momento de cansaço.
Gostaria de poder passar para esse alguém a minha crença cega no amor, o quanto encontrá-lo pode ser gratificante se você acredita que vai durar pra sempre, mesmo que não dure.
Gostaria de
Gostaria de viver sem prazos, sem estipular o fim da minha felicidade, sem pensar sempre no fim e aproveitar o início e o meio...
Queria poder ensinar isso
Queria que todos acreditassem no "E foram felizes para sempre" por que eu acredito, e ainda vou encontrar esse alguém encantado que vai entrar no meu mundo e acreditar que tudo pode ser melhor se apenas quisermos que seja.
Porque ninguém pode mudar o mundo, podemos apenas fazer nossa parte, e ser feliz já é um grande passo para fazer as pessoas que estão ao lado felizes, quem ama, também transmite amor... fazendo assim, do mundo um lugar melhor.


Marília Domingues 20 mar 2009 21:21

1 Pensaram a respeito:

Erika Georgia disse...

Eu encontrarei, Tu encontrarás, Tomara que Eles encontrem, Nós encontraremos, Vós encontrareis, Tomara que eles encontrem. hehehe
Gostei do texto!
Bjus!